Escolha uma Página

As informações contidas em seu portfólio são de extrema importância na hora de seu cliente fechar ou não o negócio com você.

Isso por que as informações que você disponibiliza no seu portfólio dizem muito sobre seu trabalho, pode parecer que não mas você entenderá como isso acontece.

Por exemplo, imagine que você já realizou vários projetos e para bons clientes, é importante que você informe da maneira correta que prestou os seus serviços para clientes reais e quais foram esses clientes.

Essa informação irá mostrar ao seu futuro contratante que você possui experiência e que não se limita apenas a projetos experimentais ou pessoais.

Nesse post vou compartilhar algumas dicas que aprendi recentemente e que procurei aplicar em meu portfólio organizando melhor as informações para que elas sejam mais facilmente apresentadas para os futuros clientes.

Crie um “discurso de elevador”

O discurso de elevador é uma descrição geral e resumida do que você faz. No discurso de elevador você precisa ser o mais direto possível descrevendo o que você faz ou gostaria de ser pago para fazer.

Ele tem esse nome por ser uma declaração simples e direta que você poderia facilmente declarar à um avaliador se estivesse com ele em um elevador e não tivesse mais do que o tempo de ele chegar no próximo andar.

Lembre-se que muitas vezes o seu avaliador pode não estar observando apenas o seu portfólio mas também o de outros profissionais, sendo assim é importante que ele percebe de imediato em que perfil você se encaixa e se você seria o profissional ideal para a posição que ele está oferecendo.

Coloque o seu discurso de elevador em uma área importante do seu portfólio digital, preferencialmente já na página inicial com algum destaque caso o seu portfólio seja personalizado.

Apliquei essa dica recentemente no meu portfólio no Behance trocando a descrição anterior que continha dados irrelevantes para o contratante e o meu nome que já estava evidente no topo da página.

Na descrição atual o primeiro parágrafo é destinado unicamente a um resumo das minhas atividades, veja como ficou:

01

Descreva seu projeto de forma clara

Um outro ponto importante de aplicar em seu portfólio e em que vejo muitos designers pecando é a descrição do projeto. Muitas vezes não sabemos realmente o que falar sobre aquele projeto e aí acabamos por fornecer informações desnecessárias ou irrelevantes.

É claro que ao decidir o que será descrito sobre o projeto você precisa levar em consideração quem é o seu público alvo e em que tipo de informações ele está interessado e também disponível para ler.

De qualquer forma algumas informações são primordiais em seus projetos como as listadas abaixo:

  1. Título do projeto
  2. Nome do cliente
  3. Sua função (e os devidos créditos dos outros colaboradores)
  4. O briefing (resumido, é claro)
  5. Ideia chave
  6. Sua solução
  7. Resultados
  8. Links relevantes

Também apliquei essa dica em meu portfólio no Behance pois antes eu não sabia exatamente o que informar sobre cada projeto, dessa forma procurei padronizar a organização dessas informações em cada projeto como mostro abaixo:

02

Observe como agora eu inicio o cabeçalho do projeto com o nome do cliente e logo abaixo um título para descrever qual o tipo de serviço que foi realizado. Em seguida descrevo um resumo do projeto já explicando um pouco do briefing e depois um resumo da minha ideia e solução.

Por último eu coloquei um link para o site pronto, isso é algo bem importante de disponibilizar quando o seu projeto for de alguma forma aplicado ou apresentado em algum site na web ou caso ele seja o próprio site disponibilizar o link para que o avaliador consiga navegar por ele.

Outra maneira que encontrei de melhorar a descrição dos meus projetos foi através do nome dele já na capa, isso considerando que utilizo a plataforma Behance, veja como ficou:

03

Deixe claro a forma de contato

Esse é outro ponto de extrema importância, seu avaliador precisa encontrar facilmente o seu e-mail ou telefone ou seja lá o que você use para entrar em contato.

Lembre-se que o seu avaliador não tem muito tempo disponível, considere que ele não está observando unicamente o seu portfólio, sendo assim qualquer medida que você utilize para facilitar a vida dele é altamente válida.

Antes eu costumava colocar várias informações ao final dos projetos em meu portfólio incluindo meu e-mail, porém isso poderia acabar atrapalhando a leitura do avaliador.

Dessa forma decidi padronizar a postagem de cada projeto mostrando ao final de cada um unicamente um link para meu Instagram e com mais destaque o meu endereço de e-mail para contato. Veja como ficou:

04

Consideração finais

O portfólio digital é algo que deve estar constantemente em manutenção e melhoramento sempre buscando melhores formas de apresentar nosso trabalho e é por isso que considero essas dicas super válidas.

As dicas que dei aqui hoje eu aprendi no livro “Portfólio Digital de Design – Um Guia Prático Para Apresentar Seus Trabalhos Online” do Ian Clazie, um livro excelente para nós profissionais do design, recentemente fiz um review desse livro no Choco La Design que você pode conferir clicando AQUI.

Gostaria também de convidar vocês para visitarem o meu perfil no Behance e darem uma olhada nessas mudanças que fiz recentemente.

Participa do post agora e comenta, como anda o seu portfólio digital? Você organiza bem as informações nele?

Gostou do post? Então clica aí em “curtir” e me ajuda a saber se vocês estão gostando do conteúdo do blog.

Também gostaria de convidar vocês a curtirem a página do blog no Facebook que está bem bacana com postagens engraçadas, vídeos interessantes e muito conteúdo. Dá uma conferida clicando AQUI.

E se você quiser acompanhar e conhecer um pouco mais do meu trabalho sabe que pode fazer isso através das minhas redes sociais: Facebook, Twitter, Instagram, Youtube e Behance.

Valeu pessoal, grande abraço à todos e até o próximo post.

Imagem de capa via Corbis.