Escolha uma Página

Um mascote é um dos principais elementos utilizados no marketing e no design para gerar empatia e identificação por um determinado público, o seu apelo emocional muitas vezes chega até mesmo a superar o de uma marca com logotipo e simbolo.

Mas quando estamos falando de marketing e design você sabe o que é um mascote? De forma simples o mascote nada mais é do que um personagem utilizado para representar uma determinada marca, grupo, evento etc.

Os mascotes são uma das ferramentas mais utilizadas pelas empresas no mundo todo para fortalecerem suas marcas, isso acontece devido à força que um mascote pode ter, além é claro de sua leitura gráfica ser muito mais rápida que a de uma marca com simbolo e logotipo.

Para citar alguns exemplos de empresas que se utilizam de mascotes podemos destacar o McDonald’s (o Ronald), a Disney Estúdio (o Mickey), os Jogos Olímpicos, a Sadia, a Casas Bahia e muitas outras empresas reconhecem o enorme poder de comunicação que um mascote pode oferecer para uma marca.

Quais as vantagens de se utilizar um mascote?

Já faz um tempo que trabalho com o design de mascotes e hoje eu posso afirmar com segurança que utilizar um mascote no fortalecimento ou mesmo no estabelecimento de uma marca no mercado só oferecem vantagens para a empresa a qual ela representa.

A primeira grande vantagem que vejo e que já mencionei anteriormente é que a leitura gráfica de um mascote é muito mais rápida que de uma logo, a identificação por parte do público tende a ser bem mais rápida também, pelo menos quando o mascote é bem projetado.

Uma outra grande vantagem que os mascotes possuem é a possibilidade de gerar diversas outras formas de aplicação como por exemplo linhas de brinquedos, roupas, brindes, jogos e muitas outras coisas.

Web

Essa tática já não é tão fácil de ser aplicada com uma logo já que não é a grande maioria das marcas que conseguem transformar seu clientes em legítimos fãs dispostos a consumir qualquer produto onde aquela logo esteja estampada.

Não sei como outros designers podem pensar mas eu pelo menos acho muito mais fácil representar valores intangíveis em um personagem do que em um simbolo ou logotipo, um exemplo bem claro disso é quando um designer está defendendo a sua proposta para uma determinada marca mostrando os elementos que a compõe e qual valor ele representa.

Muitas vezes é difícil para o cliente entender como os elementos de uma marca como sua composição ou cores pode representar adequadamente os valores que ele deseja que sua empresa transpareça.

Por isso considero essa uma outra forte vantagem de um mascote em relação a uma marca convencional, afinal de contas é bem mais fácil identificar os valores ou conceitos que um personagem transmite.

O que determina a qualidade de um mascote?

Para alguém que não possui conhecimento técnico sobre a criação de mascotes, pode parecer que isso é uma tarefa fácil mas de fato não é. Projetar um mascote é muito mais do que simplesmente sair colocando olhos e braços em qualquer objeto.

Um designer de mascotes precisa de alguns conhecimentos específicos para poder desenvolver um personagem de qualidade, não apenas bem desenhado graficamente mas que consiga conversar diretamente com o público da marca que ele defende e fazer com que esse se identifique com ele.

Além de conhecimentos de representação gráfica como desenho e pintura digital, o designer de mascotes necessita também dominar conceitos e técnicas de branding como utilização e psicologia das cores, composição de formas, técnicas de projeto etc.

01

O designer de mascotes também precisa dominar as técnicas de criação de personagem como definição de atributos, model sheet e character design. Precisa dominar as técnicas básicas de composição de formas para produzir personagens com proporções coerentes e que agradem esteticamente.

Esses elementos possuem algumas particularidades que com certeza irei abordar em um próximo post para que eles sejam bem explorados.

E como é o mercado de trabalho?

O mercado de trabalho para quem trabalha com o design de mascotes é altamente favorável pois permite uma série de áreas onde suas habilidades podem ser utilizadas.

O exemplo mais comum que temos, é claro, é o design de mascotes para marcas de empresas em segmentos diversos. Porém algumas outras áreas também podem ser campos de atuação como por exemplo a criação de personagens para histórias em quadrinhos ou ilustração de livros.

Outro campo que pode ser bastante interessante é no desenvolvimento de personagens para games e também para cinema. Enfim as possibilidades de atuação são inúmeras, onde for necessário um personagem lá pode estar presente o designer gráfico especializado na criação de personagens.

Uma outra coisa que gosto de destacar quando falo sobre esse assunto é que o designer de mascotes tende a ser mais valorizado pelos clientes no que diz respeito a custo/benefício afinal os clientes tendem a associar a habilidade técnica de desenho com algo de mais valor, é aquela velha história que diz que se foi difícil de fazer então vale mais.

É claro que uma marca convencional com simbolo e logotipo também é difícil de fazer, porém isso muitas vezes não e tão facilmente percebido pelos clientes. É claro que existem exceções quanto à isso mas no geral o que percebo é uma boa valorização dos profissionais que trabalham com a criação de mascotes e personagens.

Aprendendo mais sobre o design de mascotes

A criação de personagens é um assunto bastante abrangente e que não caberia em apenas um post mas se você quiser aprender um pouco mais sobre o assunto eu recomendo que dê uma olhada no livro que serviu como fonte bibliográfica para a criação desse post.

Estou falando do livro “Guia Rápido – Design de Mascotes” do autor Rodrigo Draw que é um grande especialista na criação de mascotes, já publicou seus trabalhos no mercado norte-americano de quadrinhos e estudou character design simplesmente no Walt Disney Studios.

O livro é uma publicação da Editora 2AB e nele você vai poder aprender um pouco mais sobre alguns pontos específicos da criação do design de mascotes como o character design e o model sheet, vai aprender sobre a definição de atributos e características marcantes para os seus personagens.

DSC01672

DSC01673

DSC01674

DSC01675

DSC01676

DSC01677

Enfim vai aprender todo o necessário para não apenas fazer um desenho qualquer mas sim criar um personagem com vida, história e personalidade.

O livro está super recomendado para quem quer aprender um pouco mais sobre esse assunto, mesmo que você não pretenda trabalhar com o design de mascotes vale muito a pena ter para aumentar o seu conhecimento sobre essa forte ferramenta do branding e da propaganda.

Você pode ver todos os detalhes sobre o livro clicando NESSE LINK e vai poder ver informações como preço, formato, prazo para postagem etc.

Então é isso aí pessoal eu espero que vocês tenham gostado do artigo de hoje, agora aproveita e participa do post comentando e respondendo: você já ouviu falar sobre o design de mascotes? Já pensou em trabalhar como um character design?

Quer acompanhar o meu trabalho? Então me segue no Instagram e veja alguns dos meus projetos no meu portfólio no Behance.

Valeu pessoal, até o próximo post.